28. Assistir no cinema “O Código da Vinci”

Sabadão realizei mais essa tarefa, mas dessa vez estava planejada. Fui no cinema daqui de Bauru, que como eu disse foi inaugurada 5 novas salas que nem tem comparação com as outras salas de cinemas que existiam anteriormente.
Bom, a respeito do filme: eu gostei bastante. Como é um filme Holywoodiano, baseado no best seller de Dan Brown, claro que as filas estariam lotadas. E estavam mesmo, mas eu e o Pê demos sorte de pegar uma sessão mais calma e nem precisamos enfrentar fila. Como a igreja, criticou a obra e gerou tanta polêmica em cima do livro, conseguiu nada mais nada menos aumentar ainda a expectativa para a estréia do filme.
Vamos lá, opinião pessoal: o filme deixou a desejar em relação a importância das obras de arte na história, a Sophie parecia uma bonequinha que não sabia de nada (e no livro ela é uma famosa criptóloga e ajuda a decifrar os mistérios e tals). Mas, para longo filme, até que ficou bom. Não me arrependo de ter assistido.
Até compraria o DVD. Mas só depois de comprar a edição ilustrada do livro, que contempla muito mais as obras primas e os mistérios da narrativa.
Ahn, para que a Igreja não se aborreça, o livro está entre o 10 mais vendidos há no mínimo umas 120 semanas no tema FICÇÃO, e não no tema TEOLOGIA.
Acho que é só, não?
Não comentarei mais muitas coisas para não acabar com a graça de quem ainda pretende assistir.

P.S. Hoje começa as provas da faculdade.
P.S.2 Por incrível que pareça, não vejo a hora de chegar as férias, estou com tantas preguiça ultimamente.
P.S.3 Bjos all.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Voltar ao topo