Yearly Archives: 2015

91 posts

PL 2015: semana 50

IMG_0548

Ahn antepenúltima semana do ano. Dezembro aí, quase acabando, as páginas finais ficando prontas e eu doida pra colocá-las logo em um álbum e vê-las impressa. Olha, já andei revendo as páginas do começo do ano e me emocionando com tantas coisas que vivemos nesse 2015. Aquela bebezica pequena agora tem seis dentes na boca, engatinha certinho e aprendeu a ficar em pé, apoiada nas coisas. Aquela bebezica sabe gritar (e que garganta), vem pra casa com trabalhos da escolinha, almoça e janta super bem, é a menininha mais risonha e engraçada que eu conheço. Ahn que delícia ter todos esses registros. Já estou pensando no PL de 2016.

Retrospectiva 2015

Se eu soubesse como seria 2015 há exatamente um ano, eu não sei se eu estaria rindo de felicidade e emoção ou paralisada de medo e ansiedade.

2015 não teve viagens inesquecíveis ou festas arrassadoras. Mas em 2015 embarcamos na aventura mais incrível de nossas vidas. E olha que eu andava repetindo que os últimos anos estavam se superando. Mal sabia eu. Comecei 2015 com um bebezico na barriga. Eu senti a Clarice se mexer dentro de mim, eu vivi intensamente à espera por sua chegada. Em 2015 eu me tornei mãe, eu aprendi a cuidar, a me entregar por completo, a amar incondicionalmente. Nos hibernamos por alguns meses, nos conhecemos, aprendemos juntas a nos amar e ser confidentes. Descobrimos nossa dependência física e emocional, rimos (muito mais que) e choramos. Nós vimos a Clarice se transformar, de um bebezinho imóvel a uma menininha cheia de vontades, que engatinha e quer ficar em pé se apoiando nas coisas! De uma bebezica que só mamava a uma nenê que come de tudo (amém) e está cheia de dentes. Em 2015 eu usei pela primeira vez uma panela de pressão rs. E aprendi a fazer comidinhas, por causa da Clarice, é claro. Eu nem me lembro como eu era antes dela chegar, porque a transformação foi visceral.

A maternidade me consumiu, me absorveu por completo. E eu mal vi os meses de passarem. Meus olhos, aliás, todos os meus sentidos estavam direcionados para aquela menininha, e desconfio que continuarão assim para sempre. 

Voltei a trabalhar com dor no coração em deixar a pequena no berçário, mas hoje sei que foi a melhor opção pra ela, embora para mim não houvesse outra opção. A danada além de se desenvolver absurdamente, se adaptou super bem. Essa pequena me surpreende tanto que eu mal acredito que ela saiu tão perfeitinha assim de dentro de mim. E mal acredito também como pode ser tão parecida com o pai. Xerox. Mãe sofre viu! Rs 

Em 2015 aprendi que algumas escolhas não dependem apenas da gente, e da maneira mais delicada porém sofrível senti algumas consequências que só hoje, enxergando de outra perspectiva, entendo que tinha que ser assim. A separação física depois de sete meses 24h grudadas, a gripinha e os remédios, o chorinho de felicidade ao me ver, a dor no coração (literalmente) ao ficar pensando nela durante o dia. Tudo isso foi passando e o final de 2015 trouxe tanto aprendizado e amadurecimento que eu desconfio que sou até outra pessoa. 

Sei que nenhum outro ano mais será como antes. E estou ansiosa por isso. Os próximos meses e anos serão repletos de primeiras vezes. Primeiros passos da Clarice, primeiras palavrinhas, primeira viagem. E sei que não vai ser sempre mil maravilhas, como não é. É cansativo, desafiador, mas nos olhos dela eu enxergo a esperança de dias sempre melhores. Pra gente e pro mundo. É no sorriso (e na gargalhada) dela que minha esperança se renova. Que me faz querer insistir pra ter um mundo melhor pra ela viver. 

2016, te recebo de braços abertos. Venha e me surpreenda, trazendo com você saúde para os meus. Porque o resto a gente dá um jeito.

E gratidão eterna por você 2015. O ano da minha transformação. O ano da minha pequena boneca de luz. Da minha cristal. Obrigada. 

PL 2015: semanas 48 e 49

IMG_0550

Ano quase terminando e eu não posso no finalzinho deixar de postar as últimas semanas né! Confesso que não vejo a hora de ver todas as páginas no álbum. Vai ficar lindo, e todo nosso primeiro ano junto da Clarice registrado. Acho que nunca mais vou deixar de fazer PL rs Falando na semana 48, foi a semana que Clarice começou a jantar e já foi raspando o pratinho. Graças a Deus ela está comendo super bem. O tempo deu uma enlouquecida e fez frio em Bauru, Clarice pegou o primeiro resfriadinho mais sério e teve que tomar remédio. Mas passou super rápido, graças a Deus. Continua super bem na escola e cada dia mais linda.

IMG_0549

Semana 49 cheia de emoções. Teve apresentação de final de ano na escola (bem no dia do meu aniversário), teve o batizado da Clarice, teve presente lindo pra ela (imagem de nossa Senhora <3 – da madrinha). Coração cheinho de amor e alegrias por aqui.

Feliz Natal

(null)

Passando pra desejar a todos um natal maravilhoso, cheio de amor, saúde, fartura, harmonia e pessoas especiais por perto. Que essa época do ano seja mágica, especial e que todos compreendam o verdadeiro significado: presentes, ops, brincadeira. Feliz natal! 

Por aqui (dezembro)


Engatinhando e ficando em pé: não basta simplesmente engatinhar, tem que ser mais radical rs e na mesma semana que começou a engatinhar direitinho aprendeu a ficar em pé também. Ela ainda bambeia muito, e isso já rendeu alguns tombos. Mas não quer mais ficar sentada de jeito nenhum.

Curtindo muito as novas descobertas da Clarice: balbucia várias sílabas, tem hora que a gente até acha que saiu alguma palavra. Já fica em pé, tem seis dentes na boca, engatinha por todo lado, dança as musiquinhas (do jeito dela né). Cada dia é uma coisa nova e está sendo uma delícia


Brincando com os presentes: Clarice ganhou livrinhos, brinquedos educativos, piscina de bolinhas que também é de água,  teclado de musiquinha, roupinhas e até uma moto elétrica de natal rs Nosso foi só o teclado, que ela adora música, o resto foi tudo dos avós, tios e padrinhos. Acho que o ano que vem ela vai curtir mais o natal, porque esse ano só dormiu rs

Mandando muitos beijos: vê se eu posso com uma coisa dessas. acho que de tanto ver a gente mandando beijo pra ela, Clarice aprendeu a mandar beijo. É a coisa mais maravilhosa do mundo. Meu coração derrete toda vez que ela manda. E do nada ela sai mandando beijos rsrs Essa foto é um print de um vídeo que consegui registrar o beijo mais saboroso do universo.