29 coisas

10 posts

E o 29 coisas?

30th-Birthday-CupcakeQuem lembra aí do projeto 29 coisas pra fazer antes dos 30, que eu me desafiei quando completei 29 anos? rs O projeto estava indo muito bem até que eu descobri a gravidez e, digamos, as prioridades mudaram.

Se eu pudesse substituiria os itens né, mas sendo sincera, os itens que não consegui cumprir foram porque realmente o foco mudou. Nós íamos para Buenos Aires, aí cancelamos porque a viagem teve que ser redirecionada para compras do enxoval da Clarice rs Eu ia continuar a academia mas, óbvio, tive que parar com os meus treinos (do jeito que estavam antes, claro. Corridinha, vejo você quando a Clarice estiver sentando rs). Não doei sangue e nem fiz tatuagem. Enfim, tudo mudou.

Mas eu poderia citar tantas outras coisas que fizemos por conta da espera (e em breve, chegada da Clarice). Fizemos uma viagem para Miami (que delícia que foi, vou contar mais depois, o foco claro foi comprinhas pra boneca). Mudamos de apartamento (ainda não é o nosso), vendemos o apê querido no Camélias. Isso sem contar as mudanças internas que passamos (é assunto pra outro post também).

Enfim, fiz 30 anos de um maneira que jamais esperava, e mal posso esperar pelos próximos anos agora. Em breve publicarei os dois posts que estou preparando com os melhores momentos da vida antes dos 30.

Sonetos em Branco e Preto

capa

Orgulho que não cabe em mim. 100 poesias escritas pelo Bruno, publicadas em um livro que ficou lindo e encantador. Conforme sua própria descrição do livro, “são poemas minuciosamente separados em duas partes distintas que não denotam a temática de seus versos, mas a inspiração por detrás de suas elaboradas linhas”.

As poesias foram escritas ao longo de 10 anos e eu estou radiante de felicidade de ver o sonho dele realizado, e espero que as pessoas gostem tanto quanto eu. O lançamento será dia 24/09, na livraria Emporio Cultural, em Bauru mesmo, no Shopping Boulevard. Quem for daqui, está convidado, a partir das 19h.

Em breve divulgo aqui a possibilidade de comprar online o livro físico ou o ebook. Por enquanto, só estará disponível após o lançamento nas lojas físicas das livrarias Empório Cultural e Jalovi, em Bauru mesmo. Mas caso alguém tenha interesse, pode entrar em contato comigo que eu envio por correio. O preço é R$29,90.

Menos 14 kilos e meus primeiros 5k

Eu não queria falar nada disso aqui no blog porque tantas vezes iniciei projetos “agora é pra valer”, “meu emagrecimento” e por aí vai. Mas agora que faz quase seis meses que eu fiz algumas muitas mudanças na minha vida, eu tinha que colocar aqui porque, putis grila, eu tô orgulhosa pra caramba de mim mesma. Não vou ficar falando o que vai ser daqui pra frente, vou apenas contar o que já rolou até agora desde então.

Primeiro, faz seis meses que estou religiosamente freqüentando academia com personal. Comecei duas vezes por semana, aumentei pra três vezes. Vou as SEIS E MEIA DA MANHÃ. Quem me conhece sabe o quanto isso é, digamos, diferente pra minha pessoa, que adora dormir, briga por mais cinco minutinhos de sono e fica MUITO mal humorada quanto é acordada.

Segundo, eu estava bem gordinha mesmo, IMC de obesidade, roupa nenhuma mais servindo em mim. Eu nunca fui encanada com corpo e tals, sempre me senti bem, mas fui deixando essa vida louca me levar e quando percebi estava muito acima daquilo que estava acostumada a pesar. Sem contar que os exames começaram a dar alterações, colesterol perto do limite, enfim, eu tinha que fazer alguma coisa.

Comecei na academia sem conseguir correr um minuto direto. Sério. Eu quase morri. Quase não voltei no dia seguinte. Mas eu voltei. De um minuto passei a correr dois e tenho certeza que meu personal é o cara mais paciente e otimista do mundo. ahahahah. Fui mesclando os exercícios aeróbicos com aparelhos para fortalecer. As dores dominavam no começo, depois fui passando a sentir prazer naquela hora de exercício. E quando comecei a perder os primeiros quilos, então, a empolgação aumentava.

Não fui em nenhuma nutricionista porque eu já tinha ido outras vezes e confesso que eu já sabia exatamente o que fazer. E fiz. Segurei a boca, cortei os carboidratos e inclui apenas os integrais. Cervejinha? Não. E olha que eu sou fã número 1 hein! Nem as férias, a viagem, o casamento conseguiram tirar minha empolgação com essa nova vida. não fiquei noiada não, eu sabia que o processo ia demorar, que não adiantava nada eu me privar por um mês de tudo e voltar a repetir os mesmos erros.

Desde então já foram 14 kilos embora. QUATORZE. Isso mesmo, galera. Eu meço 1.56m. Imagine o que são quatorze kilinhos numa pessoa do meu tamanho. É exatamente isso aqui embaixo:

foto 1-2

Claro que eu sei como eu consegui isso até agora: alimentação e exercícios. Eu, que a vida inteira lutei (e ainda luto) contra a balança, sei que só assim vou conseguir continuar até chegar na minha meta final e, principalmente, manter.

Desde que comecei tudo isso tenho apoio de pessoas incríveis, amigos geração saúde que me incentivam a continuar. Desde o começo eu queria correr, e eu só conseguia 500m na esteira da academia, era meu record rs. Aí o personal um tempos atrás colocou 1km direto. Quase vomitei. Sério. ahahahah Depois, na rua eu já estava correndo com meu querido garmin 1 km, respirava um pouquinho, mais 1km até dar 5k, no meu ritmo.

Daí que no último sábado uma dessas amigas que me incentivam pra caramba (e ela que me indicou a academia e o personal que eu vou) me chamou pra fazer um teste na rua. Finalmente, depois de seis meses sonhando com aquilo, eu consegui correr direto 5k. No meu ritmo, aprendendo a respirar, na boa.  Se não fosse ela eu não teria conseguido. Sabe aquela coisa da pessoa acreditar que você consegue, mesmo sem você acreditar? Exatamente isso. Pela primeira vez corri direto toda essa distância que estava tão distante para mim. Em quase 40 minutos corri aquela distância que eu tanto queria correr.

Aí hoje fui fazer o teste sozinha na rua, será que eu ia conseguir? Não sei porque eu duvido de mim, eu já me provei várias vezes que sou capaz em tantas outras coisas. Pensa numa pessoa feliz!

foto 3-1

E foi assim que eu corri meus primeiros cinco quilômetros, foi assim que mais uma vez eu acreditei em mim, foi assim que o bichinho da corrida me picou. Claro que eu preciso continuar treinando porque esses quilômetros que corri foram mais retos, sem subidas, no meu ritmo. Agora o próximo passo? Continuar melhorando meu condicionamento, me inscrever para minha primeira corrida de rua e melhorar cada vez mais esse tempo ai. Volto num futuro próximo para contar minhas próximas conquistas.

Ahn, repeti meus exames e estão ótimos, melhores do que nunca. 😉 E foi assim que eu completei mais um item da minha lista de 29 coisas para fazer antes dos 30.

Para pensar

Um dos itens da minha listinha de 29 coisas para fazer antes dos 30 é “mudar pelo menos algumas coisas na minha rotina”. Meio vago e difícil, não? Quando eu pensei nessa lista, no início do mês de dezembro, eu pensei do modo geral, ou seja, sabia que queria mudar algumas coisas mas não exatamente o que. Ainda não tinha voltado a praticar exercícios físicos (e estava 12 quilos mais gorda – iei), acordava bem em cima da hora para trabalhar, não ligava muito para a organização/decoração do meu apartamento, enfim, esses são alguns exemplos de coisas que estavam me incomodando e eu queria mudar.

Então reli esse item esses dias e voltei a pensar no assunto. Algumas coisas já fui incorporando a minha “nova rotina” (que ainda não considero alterada o suficiente para ter cumprido o item). Ainda tem algumas coisas que eu preciso mudar, e outras que já consegui:

√ Incluir o exercício físico de volta a vida.

Esse item estou conseguindo cumprir, apesar de achar que faço menos dias do que deveria. Faço duas vezes por semana academia com personal e foi a melhor coisa que fiz na vida. Sinto que me esforço muito mais do que ir na academia sozinha, o treino é bem específico para meus objetivos, por ter um compromisso raramente falto e quando falto reponho a aula na mesma semana. Faz apenas três meses, mas sinto que vou continuar firme e forte. E pelo menos mais uma ou duas vezes da semana saio para caminhar/correr no final da tarde. Preciso escrever também como o combo tênis certo + roupas bonitinhas + garmim fizeram eu me empolgar ainda mais com a atividade física.

√ Acordar mais cedo e ter mais tempo para o café/gachos/coisas pela manhã

Eu tinha mania de acordar bem em cima da hora para trabalhar. Quando as meninas vieram pra casa, levantava um pouco mais cedo para dar comida/trocar tapete xixi/ ficar um pouco com elas. Agora eu levanto pelo menos uma hora mais cedo antes de sair de casa. Tomo café, assisto o jornal, cuido das meninas e até arrumo a cama. Antes nem a cama eu arrumava rs. Feio, mas é a verdade, oras. Nos dias que vou na academia a coisa fica mais corrida, mas mesmo assim acordo antes do que antigamente. Já virou hábito.

√ Arrumar meu cantinho no escritório

Eu adoro ficar no computador, passo horas lendo blogs, notícias, assistindo canais no youtube. Eu nunca organizei direito o meu canto, afinal não gosto do jeito que ele está e como não vamos mexer muito nesse apê até mudarmos para o outro (daqui dois anos só), acabava deixando pra lá. Mas decidi dar uma arrumada nesse cantinho, afinal vai demorar ainda para mudarmos. Fiz uns quadrinhos que queria com lembranças das viagens (tenho mais dois pra fazer), enquadrei uma réplica de um quadro que trouxe do MOMA de NY, enfim, deixei um pouco mais com a minha cara e acho que estou gostando do jeito que está. Ainda faltam alguns detalhes, mas estou arrumando e isso que importa. Esses dias tirei uma foto, já está um pouco diferente, mas já estava bem melhor do que antes.

DSC_8986

Ainda tem outras coisas que eu quero alterar na rotina:

Não levar o celular para cama na hora de dormir

Essa é difícil. Antes de ter iphone eu lia muito mais, isso é fato. Depois que o celular passou a fazer parte da minha vida, raramente levo o livro para cama, e sim o celular. Aquela checadinha básica no instagram/facebook/twitter/email antes de dormir (que poderia muito bem ficar para o dia seguinte), o sono chega, vou dormir, e nenhuma página de livro é lida. Mas vou tentar mudar isso deixando o celular na cabeceira da cama e levando o livro na hora de dormir. Pra virar rotina mesmo. Vou tentar começar a partir de hoje isso.

Comprar flores para a casa

Essa é simples mas ao mesmo tempo é difícil. As flores/plantas simplesmente não vivem em casa. Já tentei com flores que ganhei ou outras plantas e as bichinhas morrem, coitadas. Mas tive uma ideia pós casamento bem legal. Comprar flores toda semana para a casa. Não precisa ser flores que duram anos, e sim, uma semana. Para alegrar a casa, mudar a energia, deixar mais bonito e aconchegante. No mercado mesmo tem pra vender, cada semana vou mudar e ver quais duram mais. Vou começar essa semana e depois conto se está dando certo.

DSC_9873

Flores do meu buquê de casamento na cozinha de casa <3

São coisas bobas mas que sem um pouco de esforço não consigo alterá-las. Eu sou a rainha da procrastinação. É feio confessar, mas é verdade, porém esses exercícios diários de alterar levemente meus dias tem me ajudado a superar a preguiça.

E vocês, tem dificuldades de alterar comportamentos ou tarefas diárias que estão acostumados? Se tiver alguma dica pra compartilhar será muito bem vinda rs.

29 coisas: fazer uma sessão de fotos da família

FER E BRUNO ALTAS (3)

Eu queria fazer uma sessão de fotos com o Bruno já tinha um certo tempo. Ele nunca topava, eu nunca conseguia convence-lo. Daí que a gente decidiu casar, eu disse que queria umas fotos para termos de lembranças, principalmente com as gachos, afinal, quase não temos fotos de nós quatro juntos. Acho que de tanto eu falar no assunto ele topou (desconfio que seja mais por causa das gachos do que por mim mesma rs). Fizemos no início do mês e a fotógrafa me enviou algumas, pois eu queria revelá-las para usar  na decoração do casamento (depois mostro por aqui). E eu não poderia ficar mais feliz com o resultado.

Momentos lindos de nós quatro registrados na chácara onde eu e o Bruno nos conhecemos. Escolhi uma fotógrafa bauruense que eu admiro muito e adoro o trabalho, a Camilla Resta. Fiquei muito feliz com o resultado, isso porque só vi algumas das fotos. Imagina que ainda tem muito mais, e mais as fotos do casamento. É muita felicidade para uma pessoa só. Mais algumas das minhas preferidas dentre as preferidas:

Dois dos nossos livros prediletos.

FER E BRUNO ALTAS (13)

O que são essas patinhas das nossas meninas com as alianças? É muito amor, gente.

FER E BRUNO ALTAS (18)

Tem muitas outras lindas, e isso porque só recebi algumas. Quando eu receber todas, com certeza virarão um fotolivro lindo. Mais um.

Outro item cumprido da minha incrível lista de 29 coisas para fazer antes dos 30. Essa lista está demais mesmo!