Retrospectiva 2006

Como eu sempre visito o site da Ana, vi uma retrospectiva que ela fez e, matutando aqui comigo, resolvi fazer uma também, afinal, 2006 foi um ano cheio de surpresas boas na minha vida.

1. Eu e Pe na formatura da prima Fer: O ano começou e eu e o Pê fomos na formatura da Fer (prima) de Biologia. Depois de alguns anos, a Fer se formou (licenciatura e bacharelado). Bióloga, sim!!!

2. Eu e Pe: Eu e o Pê tivemos um ano maravilhoso. Apesar de sermos bastante caseiros, soubemos aproveitar muito nossos momentos até as aulas da faculdade começarem;

3. Visita a Bovespa: porque enfim, eu comecei minha tão sonhada faculdade, e terminei o primeiro ano com notas prá lá de belas. Amei o curso, estou gostando bastante, e até visitei alguns lugares bem interessantes durante o ano, como esse dia que fomos conhecer a Bolsa de Valores de São Paulo e a Bolsa de Mercadorias e Futuros.

4. Pe no banco: Em junho o Pê foi chamado para trabalhar no banco Nossa Caixa. Mal tinha saído do contrato temporário da polícia rodoviária e já foi chamado pro banco, não ficou nem um mês desempregado (graças a Deus). Depois que ele começou a trabalhar no banco ele já trocou de computador, de carro, comprou uma câmera digital, uma televisão 29″, um DVD, um play station 2, uma mesa pro computador dele, vixi, só realizando sonhos. Estou muito feliz por ele!!! E por nós, claro!

5. Nickinho!: Aí eu ganhei em julho essa porcariazinha aí. O Nícolas Cage, meu cãozinho mais novo. Danado, arteiro e muito fofo. Eu não resisto a animais (principalmente cachorrinhos.

6. Pe: EU FIZ UM BOLO NO ANIVERSÁRIO DO PÊ. Não ficou lindo, mas ficou muito gostoso, fiz uma cobertura de chocolate com leite condensado, hummm. Pelo menos eu tentei, né?

7. Piubinha: comprei minha tão sonhada Honda Bis 125 +. Acho que se eu não tivesse feito minha lista de 101 em 1001, não teria realizado muitos sonhos, inclusive ter tirado carta de moto e comprado a Bis. Nunha tinha me passado pela cabeça, e hoje a Piubinha me quebra um galhão. Vou pro trabalhado, venho pra casa, janto, tomo banho e depois vou pra faculdade. E chego bem rápido em casa também. Estou muito contente com essa companheira.

8. O que eu quero para 2007…: aprendi a fazer scrapbook. Quer dizer, estou aprendendo, esse é o primeiro que eu fiz que eu acho que ficou “ajeitadinho”. Gostei de verdade, viu!! E muitos blogs na net têm me ajudado a desvendar o mundo dos “scraps”.

9. Mami, eu e Marli: consegui tirar a mami de casa pra ir na festa de confraternização do meu serviço na churrascaria Baby Búfalo. E depois ainda fomos tirar foto nos enfeites de natal da CPFL. Isso é praticamente um milagre.

10. Pose…, Foto número 1, tirada com a câmera digital que eu ganhei do Pê de presente de aniversário. Imagina se eu gostei, eu que quase não AMO fotos.

11. Eu…: o Pê tirou essa foto no Natal e eu gostei. Nosso natal foi muito bom, ganhei e comprei vários livros, o mural que eu queria, minhas calças jeans, enfim, foi muito bom. Sem contar que estávamos ao lado de pessoas que gostamos muito, então. Só alegria.

12. Nos: foto tirada na CPFL, quando fomos visitar as luzes de Natal. E olha que o Pê nem gosta de tirar foto, tenho que ficar insistindo pra ele sair nas fotos.

13. Eu e Pe: Mais um momento do Natal, que foi ótimo. Gostei bastante dessa foto, a noite estava ótima.

14. Mana e Eu..: são raras as fotos que eu tenho com a irmãna, então, essa merece estar aqui. Tiramos no ano novo, que passamos aqui em casa. Foi muito bom também, apesar da  rinite do Bruno ter atacado, foi legal.

15. Galera na CPFL: uma galerinha do serviço foi na CPFL e aproveitamos para tirar essa foto. Foi muito especial esse dia, estava super 10.

16. Eu e Jandis: Na festa de final de ano do serviço, a Jandira quem me tirou de amigo secreto (e eu nem imaginava). Foi tudo perfeito, a comida, o amigo secreto, as brincadeiras. Espero repetir a dose em 2007.

Aliás, o ano de 2007 pode ser uma continuação de 2006, eu nem me importo se for. (rsss)


DEIXE UM COMENTÁRIO

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.